Saúde: Dieta vegana aumenta “ereções masculinas em 500%”

Um estudo inédito detectou um aumento de 500% na frequência e tempo das ereções masculinas após os indivíduos comerem uma refeição vegana antes de irem dormir, comparativamente a se ingerissem carne, peixe ou ovos.

 O documentário ‘The Game Changers’, disponível na Netflix desde de dia 16 de outubro, tem como base o impacto do tipo de dieta ingerida – vegan ou carnívora – na performance de atletas profissionais.

Uma pesquisa comparou os efeitos de uma refeição com carne e outra vegana nas ereções durante o sono de três jogadores da NFL.

Aaron Spitz, o médico urologista que conduziu a experiência, colocou dois anéis eletrônicos nos genitais dos voluntários capaz de medir a frequência e longevidade das ereções.

A experiência durou duas noites. Na primeira os atletas ingeriram tacos ao jantar, que continham carne – incluindo porco, frango e bovino. Já na segunda noite ingeriram tacos apenas com ingredientes vegetais (legumes e grão).

E os resultados revelaram ser chocantes, após a análise dos dados da noite em que os indivíduos consumiram a refeição vegan.

Mason, um dos jogadores, registrou um aumento de 9% no perímetro da ereção, enquanto que a frequência e o tempo atingiram os 303%.

Já Blake descobriu que ficou 8% mais ereto, enquanto que a frequência tinha atingido o valor de 500%.

E para o outro jogador, o dispositivo eletrônico detectou que a ereção subiu até aos 13%, enquanto que a frequência aumentou para 312%.

Spitz afirmou: “Apesar, de não se tratar de um estudo cientificamente validado os resultados que estamos vendo vão fazer com que muitas pessoas adotem novos hábitos alimentares.

 

Outras matérias

Pets: Zoonoses vacinou mais de 180 mil cães e gatos em 20 meses

Trabalho da saúde ajudou a colocar o DF como referência nacional em cobertura vacinal contra raiva. Foto: arquivo Secretaria de Saúde O Distrito Federal é referência nacional em cobertura vacinal contra a raiva em animais domésticos. Pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que, em 2019, o DF tinha a maior proporção […]

‘Quem abusa de criança não tem transtorno mental, só se sente no direito’

Legenda da foto,Luciana Temer é presidente do Instituto Liberta, que atua no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes O discurso de que o abuso sexual de crianças e adolescentes é uma violência excepcional e praticada por “monstros” é parte das ideias que a advogada Luciana Temer quer combater. “Minha briga é mostrar para […]