Realizada no CDT/UnB a Audiência Pública para Debater o Conceito de Startups no DF

Foi realizada nesta quinta-feira (07), no Centro de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico (CDT/UnB), Audiência Pública para debater os conceitos de startups para fins de políticas públicas.

A deputada distrital Júlia Lucy (NOVO) promoveu o evento e contou com a presença de Hugo Giallanza (ASTEPS), Profª Marileusa (Diretora do CDT), Renata Aquino (Diretora do PCTec/UnB), além outros convidados como professores, gestores públicos, diretores de universidades, inclusive da própria Unb, profissionais da área de TI e do presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF), Alessandro França Dantas.

O objetivo do debate é para que as startups possam usufruir de políticas públicas específicas para as suas necessidades, com leis apropriadas e que de fato sejam reconhecidas pelo setor público com segurança jurídica.

Ainda durante a Audiência Pública, a questão da ameaça de corte de recursos destinados à FAP-DF foi amplamente discutida pelos participantes do evento.

A deputada Julia Lucy (Novo) disse que foi pega de surpresa na semana passada com informações de que o GDF quer reduzir os recursos da FAP de 2% do Orçamento para apenas 0,3%. Para ela, trata-se de uma “redução muito drástica”, especialmente quando vivemos um grave quadro de desemprego.

Júlia Lucy defendeu articulações políticas para evitar o corte, e assim, manter os projetos da FAP-DF em pleno andamento.

Equipe Deputada Distrital Júlia Lucy (NOVO)

WhatsApp: (61) 9 9929-0444

Outras matérias

Tecnologia:NWi, empresa de tecnologia 100% brasiliense, coloca a Capital na linha de frente do mercado de Data Center

De olho na crescente digitalização das empresas, que se intensificou com a pandemia causada pelo Covid-19, a NWi Telecom, empresa 100% brasiliense com mais 25 anos de mercado, anuncia a expansão para aumentar a capacidade do serviço Cloud e Hosting com um novo Data Center Tier III. Com equipamentos e estrutura que garantem a qualificação Tier […]

Mais empregos: Agências do trabalhador têm maior número de vagas do ano

Com salários e até R$ 4 mil, as oportunidades contemplam 65 profissões e variados níveis de escolaridade. Em apenas uma semana, o número de vagas oferecidas por meio das agências do trabalhador do Distrito Federal subiu 50,42%. Nesta sexta-feira (25), são 704 oportunidades, com salários que chegam a R$ 4 mil, dando espaço para pessoas […]