Por que as pessoas mentem mais quando pensam em sexo?

Resultado de imagem para casal na cama sexo"Pensar em sexo nos torna mais propensos a mentir?

Uma pesquisa da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, e do Centro Interdisciplinar Herzliya, em Israel, fez uma descoberta reveladora: quando pensamos em sexo, nosso barômetro de honestidade fica distorcido, e tendemos a “ajustar” a verdade para que as pessoas em que estamos interessados tenham uma opinião mais favorável sobre nós.

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores conduziram experimentos com pessoas heterossexuais de 21 a 32 anos.

Eles dividiram os participantes em dois grupos. Um deles foi submetido a um processo que os pesquisadores descreveram como ‘condicionamento sexual’ e outro que não.

O estudo constatou que as pessoas do primeiro grupo, quando falavam deles próprios a possíveis parceiros sexuais, tinham 30% mais chances de mentir para “ajustar” seus interesses aos do possível parceiro.

Elas também diziam que o número de pessoas com as quais fizeram sexo era menor do que o real.

Os pesquisadores concluíram que “as pessoas vão fazer e dizer praticamente qualquer coisa para criar um vínculo com alguém em que estejam interessadas”.

Outras matérias

OMS quer mais evidências sobre transmissão da covid-19 pelo ar

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou nessa quinta-feira (9) novas diretrizes sobre a transmissão do novo coronavírus, que reconhecem alguns relatos de transmissão pelo ar do vírus causador da covid-19. A instituição, no entanto, não chegou a confirmar que o vírus se propaga pelo ar. Em suas diretrizes mais recentes sobre transmissão da doença, a OMS […]

Associação de Doadores de Sangue de SP comemora resolução da Anvisa liberando doação de sangue por homossexuais

O presidente da Associação, Sérgio Valentim, que vinha cobrando um posicionamento do órgão regulador desde que o STF votou a questão em maio, comemora a decisão, crucial para salvar vidas neste momento de pandemia  À  agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) revogou a medida que restringia a doação de sangue por homossexuais do sexo masculino. […]

Mulheres grávidas devem se preocupar com a saúde vascular

De acordo com estimativas da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), há uma prevalência média da TVP de 38% na população geral brasileira, sendo encontrada em 30% dos homens e 45% das mulheres, levando em consideração todas as faixas etárias. Quanto mais idoso maior a prevalência sendo que 70% das pessoas acima […]