NOVAS MEDIDAS DO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA CAUSAM INSTABILIDADE NO SETOR DE HABITAÇÃO

O governo Bolsonaro está reestruturando o programa Minha Casa Minha Vida. As mudanças já anunciadas estão causando incertezas e instabilidade para quem luta pelo direito à moradia. O programa MCMV é uma iniciativa de grande impacto na produção de casas de interesse social em todo o país. “Acreditamos na sensibilidade do governo. O número de famílias em situação de vulnerabilidade social, com condições de habitabilidade precária ainda é muito alto no Brasil. O momento é de grande expectativa e mobilização por parte de quem defende a efetivação e continuação nas melhores formas do programa Minha Casa Minha Vida”, diz o presidente da Frente Brasileira de Habitação Popular – FBHP, Pablo Said.

Dentre as mudanças previstas para o programa está a criação de um voucher (um vale que garante crédito) para atender pessoas de baixa renda que não têm condição de financiar a casa própria em pequenas cidades. O projeto atenderia famílias que ganham até R$ 1,2 mil. Outra medida anunciada é o corte da faixa 1, que atendia famílias com renda até R$1,8 mil.

As reformulações afetam as famílias de baixa renda das cidades médias e das regiões metropolitanas e capitais – que concentram a maior parte do déficit habitacional – e que agora estão sem nenhuma política habitacional. “A moradia digna é necessária, assim como o desenvolvimento dos projetos voltados para a construção de habitações, pois também funcionam como vetores para o crescimento econômico, geração de emprego, renda e inclusão social”, defende o presidente da FBHP.

Serviço:

Frente Brasileira de Habitação Popular – FBHP

Endereço: SHN Q. 01 Bl. A Sala 703 – Brasília-DF

http://www.fbhp.com.br

Outras matérias

Tecnologia:Mais praticidade e tecnologia aos estudantes do Distrito Federal

Carteira estudantil digital gratuita já está valendo Estudantes terão documento na palma da mãoÉ o que institui a lei nº 6.673, de autoria do deputado Roosevelt Vilela, que entrou em vigor nesta terça-feira (22) e altera a legislação da meia-entrada aos estudantes das escolas públicas e privadas. A mudança permitirá aos estudantes terem a carteira […]

MP que amplia uso de poupança digital é aprovada na Câmara

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (22) a Medida Provisória (MP)  982/20, que amplia o uso da conta poupança social digital para recebimento de benefícios sociais do governo federal. Inicialmente, a conta foi criada para o depósito do auxílio emergencial de R$ 600 que não tinham conta na Caixa Econômica Federal. O texto vai […]