Cultura:Inscrições para I Concurso Cultural da Segurança Pública

MEC pretende implantar no país 108 escolas cívico-militares até 2023 –  Jornal da Cidade – CapivariAdesões começaram nesta segunda-feira (14)

As inscrições para o I Concurso Cultural da Segurança Pública para os Colégios Cívico-Militares do DF começaram nesta segunda-feira (14). Com o tema Segurança Conectada: o olhar da juventude sobre a cultura de paz e a pandemia, o a competição é destinada a cerca de 15 mil alunos matriculados em uma das dez unidades de ensino do projeto Escolas de Gestão Compartilhada. O formulário de inscrição e demais documento, como edital, autorização de participação para menores de 18 anos, podem ser acessados neste link.

O concurso foi lançado na última semana pelas secretarias de Segurança Pública (SSP/DF) e de Educação (SEE/DF). O público-alvo são adolescentes do ensino fundamental II (entre o 6º e o 9º ano) e do Ensino Médio (1º, 2º e 3º anos). Os estudantes poderão fazer inscrição para as modalidades de fotografia, redação e vídeo.

Após o período de inscrição, que termina no dia 11 de outubro, serão selecionados sete trabalhos de cada modalidade. Eles serão submetidos à votação do público, por meio do perfil da SSP/DF, no Instagram, entre os dias 25 de outubro a 6 de dezembro. A seleção ficará a cargo de uma equipe técnica formada por servidores da SSP/DF e da SEE/DF, especialistas nas áreas do concurso. O resultado será divulgado no dia 7 de dezembro.

“Os três primeiros colocados, em cada uma das três modalidades, serão premiados com smartphone, notebook ou tablets, mas todos os finalistas serão agraciados com um certificado de participação. Mas para todos nós, o importante é que o maior número de alunos participem, pois é o concurso foi pensado para engajá-los e chegar até eles, de acordo com as possibilidades permitidas neste período de pandemia”, pontua o subsecretário de Prevenção à Criminalidade (Suprec), da SSP/DF, Manoel Arruda.

Cultura de paz

Os trabalhos deverão ser desenvolvidos levando voltados para a Cultura de Paz. “Os alunos deverão abordar temas como tolerância, cooperação, respeito à vida, respeito às individualidades, solidariedade, comunicação não violenta”, explica Arruda.

Escolas participantes

Poderão participar alunos matriculados no Centro Educacional 03 de Sobradinho; no Centro Educacional 01 da Estrutural; no Centro Educacional 07 da Ceilândia; no Centro Educacional 308 do Recanto das Emas; no Centro Educacional Condomínio Estância III Planaltina; no Centro de Ensino Fundamental 407 de Samambaia; no Centro Educacional 01 do Itapoã; no Centro de Ensino Fundamental 19 de Taguatinga; no Centro de Ensino Fundamental 1 do Núcleo Bandeirante; e no Centro de Ensino Fundamental 01 do Riacho Fundo II.

 Trabalhos 

A redação poderá ser feita em três formatos: poesia, conto/cordel ou relato de experiência, que deverão ter entre 15 e 30 linhas. A comissão julgadora irá avaliar adequação ao tema proposto, criatividade, originalidade e correção ortográfica e gramatical.

Já o participante que optar pela modalidade fotografia, deverá registrar uma imagem, que, além de ser inédita, deverá ser de autoria do inscrito. O registro fotográfico poderá ser realizado com aparelho celular ou câmera digital, em formato em JPEG (ou JPG), com tamanho máximo de 2Mb.

O participante poderá incluir, junto da imagem, um texto explicativo de no máximo 7 linhas e seguir critérios de adequação ao tema proposto, criatividade e composição.

Aqueles que optarem pelo formato vídeo deverão atentar-se para enviar material autoral, com duração igual ou inferior a um minuto, computando o tempo destinado aos créditos. O gênero será de livre escolha, podendo ser um documentário, ficção, animação, por exemplo.
As imagens poderão ser capturadas de qualquer equipamento– celular, câmera digital e/ou filmadora. O importante é que a qualidade do som seja boa. A escolha será feita com base na adequação ao tema proposto e criatividade.

Oficina

No próximo dia 25 de setembro, a SSP/DF fará uma live com professores da rede pública de ensino e servidores da SSP/DF capacitados
das áreas de redação, fotografia e vídeo. Durante a transmissão ao vivo serão dadas dicas produção dos trabalhos.

“Essa ação é uma das etapas de divulgação do concurso, que também tem o objetivo promover a aproximação e diálogo com todo a comunidade escolar dos colégios cívico-militares, em especial com os estudantes. Além de possibilitar o conhecimento sobre a temática cultura de paz, será a oportunidade de dar dicas sobre técnicas de redação, fotografia e vídeo”, finalizou a Diretoria de Prevenção Social da Juventude, da Suprec, Nathalia Teixeira.

*Com informações da SSP/DF

Outras matérias

Janine Brito participa de live para falar sobre empreender com foco em excelência

Nesta terça feira a vovó blogueira de Brasilia, recebe para seu achá da tarde a empresária Janine Brito, CEO da Pinheiro Ferragens, participará da live realizada pela influencer Malu Silva para falar sobre como empreender com foco em excelência. O encontro, marcado para hoje (22), às 17h, terá transmissão ao vivo no Instagram @malusilvainfluencer SERVIÇO: […]

Celebridade:”Xuxa defende os animais” em Live no lançamento de auto biografia

A live de Xuxa no perfil oficial da Globo Livros, durante a divulgação do seu livro, rendeu muito conteúdo. Além de alertar sobre as queimadas na Amazônia, a rainha dos baixinhos ainda deixou claro que “pagamos pra matar os animais” e que estamos alimentando a industria agropecuária das carnes. Xuxa rainha mesmo nem lançou o livro e já […]