Conheça a História da Vovó Blogueira e Influenciadora de Brasília

Malu Silva, a Vovó Blogueira e Influencer de Brasília
Malu Silva, a Vovó Blogueira e Influencer de Brasília

A Vovó Blogueira nasceu em Uberaba/MG, em 1961. É ariana, do dia 4 de abril. Veio para Brasília em 1972, com o sonho de uma vida melhor. Candanga e apaixonada pela capital federal.

Em Brasília, começou a vida como Babá, depois virou Balconista de Padaria, foi Corretora de títulos de clubes e em seguida casou. “Foram 8 anos de Amélia. Eu não quero mais essa vida”, resume Malu Silva, ao explicar que se dedicou tanto ao casamento que esqueceu de si.

A Vovó acredita muito em Deus. E, é cristã desde sua infância.
A Vovó acredita muito em Deus. E, é cristã desde sua infância.

Separada, mãe de 02 filhos (Junior e Rayane), Malu Silva foi atrás dos seus antigos amigos e acabou indo parar no COMERCIAL, da TV Brasília, por acaso. Ali, nascia o sonho de trabalhar com comunicação.

Na filial da Rede Manchete, na época TV Brasília, Malu foi contato comercial de mídia, de forma autônoma.

“Eu cheguei na sede da TV Manchete/Brasilia, no Setor de Rádio e TV Sul e o diretor técnico da TV, Nilton Silva ( em memória ), me falou que tinha uma vaga para vender publicidade. Sem entender nada, aceitei e virei vendedora de mídia autônoma”, explica Malu.

Minha carreira, mesmo sem estudos, foi de vender PUBLICIDADE e fazer amigos pela cidade. Fui contato publicitário de 1992 a 2000 nas Rádios 105 FM, OK FM, Atividade FM e cheguei a conseguir espaços comerciais também ( como vendedora autônoma ) pra emissoras de TV local.

De 2008 a 2015, mantive um jornal comunitário, onde foi minha escola de jornalismo e da vida. Pois foi através dele que criei meus dois filhos.
De 2008 a 2015, mantive um jornal comunitário, onde foi minha escola de jornalismo e da vida. Pois foi através dele que criei meus dois filhos.

O Jornal Comunitário é algo que voa. Você entrega na rua, deixa na padaria e vai até os empresários mostrar a marca dele e, claro, manter suas parcerias na ativa. A escola da vida, que foi a publicidade autônoma, me levou para o jornalismo comunitário e hoje me orgulho de fazer parte disso.

Aí, em 2015, o jornal já não estava funcionando bem e ai a Vovó Malu Silva, resolveu migrar para o mundo dos blogs. “Meu Deus, que difícil. Tive resistência e ainda tenho. Muitos criticam e poucos ajuda. Cometi muitos erros, pois a minha única faculdade foi a vida e o jornal comunitário”, conta Malu Silva, que hoje é uma das influenciadores digitais vovó da capital.

:: Números
Quase 60 anos de idade
20 anos de Jornalismo Comunitário
04 anos de blog
02 filhos
45 anos de Brasília
20.000 mil impressões de acessos por mês
9 mil seguidores no Instagram
5 mil amigos no Facebook
30 grupos de WhatsApp
38000 mil views no youtube

Outras matérias

Moro é aprovado por 53% dos brasileiros, aponta pesquisa Datafolha

Pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira, 9, indica que o ministro da Justiça, Sérgio Moro é conhecido por 93% dos brasileiros e aprovado por 53% deles. Neste domingo, o mesmo instituto divulgou pesquisa de avaliação do presidente da República, Jair Bolsonaro, indicando que a aprovação o mandatário é bem mais modesta, de 30%. Depois de Moro, […]

Receita abre consulta ao 7º lote de restituição do Imposto de Renda

Serão liberadas também declarações residuais de 2008 a 2018 O sétimo lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) 2019 estará disponível para consulta a partir de hoje (9). O lote contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018. O crédito bancário para 320.606 contribuintes será realizado no dia 16 […]