Começam as aulas do #PartiuFuturo

Com turmas cheias e estudantes determinados, cursos ampliam oportunidades profissionais dos participantes

Os 11 cursos oferecidos pelo #PartiuFuturo estão com lotação máxima. As aulas começaram nesta semana, tendo 1,8 mil estudantes matriculados. Com atividades práticas e teóricas em unidades de ensino no Plano Piloto e em Taguatinga, os alunos se esforçam para ampliar seu leque de oportunidades profissionais.

1,8 milTotal de estudantes matriculados nos cursos do #PartiuFuturo

É o caso de Kamilla Machado, de 19 anos. Ela terminou o ensino médio recentemente e, com isso, teve seu contrato de estágio encerrado. “Comecei os estudos para auxiliar de contabilidade e, em breve, isso será um diferencial em meu currículo”, acredita a moradora do Paranoá.

Kamila Machado comemora: “Comecei os estudos para auxiliar de contabilidade e, em breve, isso será um diferencial em meu currículo” | Fotos: Marcos Machado / Sedes

Quem pensa parecido é Thiago Sena, 27 anos, morador de Águas Claras. A diferença é que ele está no mercado de trabalho e ingressou no curso por recomendação da chefia imediata. “Eu quero crescer dentro da empresa em que trabalho”, entusiasma-se. “Meu chefe disse que participar das oficinas de programação de app [aplicativos] seria importante para mim e para a instituição”.

Thiago Sena: “Eu quero crescer dentro da empresa em que trabalho”

Parceria

Criado por meio de uma parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e a empresa Prime Educ, o #PartiuFuturo tem como objetivo preparar jovens para o mercado de trabalho. O projeto é voltado a pessoas de baixa renda, preferencialmente de 15 a 29 anos, mas comporta outras inscrições de pessoas interessadas.

É o caso de Alzenir Peixoto, 47 anos. Desempregada há dez anos, ela viu no curso de manicure uma possibilidade para voltar ao mercado de trabalho. “Tenho familiares que atuam nessa área e me incentivaram”, conta. “Gosto de mexer com isso e posso trabalhar em um horário mais flexível para também dar atenção à minha filha”.

Capacitação

Na manhã desta terça-feira (8), o secretário de Desenvolvimento Social, Ricardo Guterres, foi a uma das unidades de ensino para ver o andamento das atividades. “Conversei com alguns professores, alunos e organizadores, e percebi que todos estão motivados e prontos para essa caminhada do conhecimento”, destaca.

A meta do #PartiuFuturo é preparar cerca de 4 mil pessoas para o mercado de trabalho durante os próximos dois anos. As aulas são 60% práticas e 40% teóricas, elaboradas por professores com experiência no mercado de cursos profissionalizantes, coordenação pedagógica e monitorias. Também estão previstas palestras de empresários sobre mercado de trabalho, motivação e empreendedorismo.

As atividades seguem até novembro, totalizando uma carga de 200 horas/aula. Os participantes recebem todo o material didático, desde apostilas de estudo a uniformes.

Com informações da Sedes

Outras matérias

Exposição de fotógrafo alemão é um dos destaques da agenda cultural da Secec

Quem estiver em Brasília no feriado prolongado da Proclamação da República terá muitas opções para sair de casa. Os equipamentos culturais da Secretaria de Cultura e Criativa do Distrito Federal estão recheados de opções (veja agenda completa abaixo). O destaque fica por conta de duas exposições que estrearam nesta semana no Museu Nacional da República. […]

Mobilidade: Audiência pública debate sobre mudanças no Contran e segurança no trânsito

Preocupado com a segurança no trânsito, o deputado estadual Alex Lima (PSB) realizará audiência pública para debater sobre as recentes modificações no Contran/Denatran sobre regulamentação do trânsito, propostas no Projeto de Lei do Governo Federal (PL) 3.267/2019. O evento, que acontece no próximo dia 18, às 9 horas, no auditório jornalista Jorge Calmon da Assembleia […]