CINE BRASÍLIA, DE 01 A 3 DE NOVEMBRO IV MOSTRA NOVO CINEMA ENTRADA FRANCA

Edição 2019 exibe filmes recentes e premiados da República Dominicana
*Programação inclui títulos que estão entre os melhores filmes do país caribenho
Em sua quarta edição, a Mostra Novo Cinema Dominicano, uma realização da Embaixada da República Dominicana no Brasil e da Direção Geral do Cinema Dominicano, se consolida no calendário de festivais da cidade que apresentam recorte da produção cinematográfica contemporânea. De 1 a 3 de novembro, no Cine Brasília, o brasiliense terá oportunidade de ver, em primeira mão no Brasil, uma seleção de filmes produzidos em 2017 e 2018 e premiados.

A seleção deste ano inclui quatro títulos, entre curtas e longas-metragens: os longas Reinbou (2017), sucesso de público e crítica na República Dominicana, Os Leões (2018) e O que sinto por você (2018). E ainda o curta, As coisas que não falamos.

A mostra tem sessão de estreia na sexta-feira, dia 01 de novembro, às 20h, com Reinbou, dos diretores, David Maler e Andrés Curbelo, que traz a história de um pequeno herói de sete anos e sua busca pela verdade e como essa pesquisa inspira outras pessoas a seguir o mesmo caminho, porque em algum momento, o passado sempre volta para nós.

CINEMA DOMINICANO – A produção cinematográfica da República Dominicana foi intensificada a partir de 2000, com a criação de mecanismos de incentivo. Hoje, é um dos instrumentos mais férteis de divulgação do país e um importante veículo de construção da identidade cultural do povo dominicano. O cinema da ilha – que integra o arquipélago das Grandes Antilhas, no Caribe -, é caracterizado por ser independente e tratar com frequência de temas sociais. Embora o país tenha pouco mais 48.400 quilômetros quadrados e quase 11 milhões de habitantes, o país conta com oito grandes festivais como a Mostra Internacional de Cine de Santo Domingo, o Festival Internacional de Cine de Fine Arts, o Cine Global Dominicano e o Festival Internacional de Cine Independente de Santiago. Além disso, a participação em Ibero América do mercado do cinema próprio é liderada pela República Dominicana com 26,4%, seguida pela Espanha (17,9%), Brasil (15,0%), Argentina (14,7%), Peru (14,7%). e Panamá (14,5%).

PROGRAMAÇÃO

01/11 (sexta-feira) Abertura

Reinbou

20h

Diretores: David Maler y Andrés Curbelo

Ano: 2017

Duração: 1h30

Classificação Indicativa: Livre

Legendas em português

02/11 (Sábado)

Os Leões

20h

A comédia romântica conta a história de amor de dois jovens que, embora coincidam

Diretor: Frank Perozo

Ano: 2018

Duração: 1h30

Classificação Indicativa: 14 anos

Legendas em português

03/11 (Domingo)

20h

As coisas que não falamos (curta)

Diretora: Soleidy Mendez

Ano: 2018

Duração: 14´55”

Classificação Indicativa: L

20h15

O que sinto por você

Direto: Raúl Camilo

Ano: 2018

Duração: 1h30

Classificação Indicativa: L

Legendas em português

SERVIÇO

IV Mostra Novo Cinema Dominicano

Data: 01 a 03 de novembro

Local: Cine Brasília (EQS 106/107)

Horários: ver programação

ENTRADA FRANCA

 

Outras matérias

Museu: Espaço Oscar Niemeyer recebe a exposição Bio O Quê?

Mostra tem obras de 26 artistas e marca a 16ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, cujo tema é Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável Reinaugurado em agosto, o Espaço Oscar Niemeyer recebe nova programação artística. Com lançamento previsto para esta quinta-feira (21), a nova atração do espaço cultural será a exposição […]

Defesa Civil vai emitir alerta de desastres aos clientes de TV a cabo

O serviço vai contemplar as regiões Centro-Oeste e Norte A partir de hoje (18), os assinantes de TV por Assinatura no Distrito Federal e 10 estados localizados nas Regiões Centro-Oeste e Norte já podem receber alertas de risco encaminhados pela Defesa Civil. As mensagens vão alertar a população de desastres como alagamentos, enxurradas, deslizamentos de […]

Museu da República abre três exposições nesta terça-feira

Mostras têm entrada franca e visitação aberta até janeiro de 2020, com classificação indicativa livre Obra de Rubem Valentim, um dos destaques | Foto: Divulgação O Museu Nacional da República, instituição administrada pelo GDF, abrirá três exposições nesta terça-feira (19). Na mostra Simbólico sagrado, poderão ser vistas obras dos baianos Mestre Didi (1917–2013) e Rubem Valentim […]