Chris Flores diz que gostaria de encontrar Ana Hickmann

As duas artistas dividiram a apresentação do Hoje em Dia (Record) e especulações de uma briga nos bastidores eram recorrentes

Chris Flores diz que gostaria de encontrar Ana Hickmann
“Nunca mais nos encontramos, mas gostaria de encontrá-la. Seria importante para a gente”, falou Flores. A apresentadora negou que houve briga entre as duas e disse estar de coração aberto para resolver o mal-entendido.

“Não houve uma briga, talvez até por isso seria interessante a gente sentar e conversar, para ver que não aconteceu nada e seguir em frente. Estou de coração aberto. Ela foi uma grande colega de trabalho”, completou.

As duas artistas dividiram a apresentação do Hoje em Dia (Record) e especulações de uma briga nos bastidores eram recorrentes. Após sair da emissora, Flores assinou com o SBT e hoje apresenta o Fofocalizando. Já Hickmann continua com o programa matinal da Record desde 2015.

Sobre sua participação na 22ª edição do Teleton, Flores ressaltou a importância de ajudar o próximo. “Eu fico esperando o ano inteiro! Sinto que é uma missão nossa, o mínimo que a gente pode fazer é ajudar o próximo”, afirmou.

Bastante espiritualizada, a apresentadora acredita que a caridade é também um caminho para a evolução pessoal. “Essa vida é uma passagem para a gente evoluir espiritualmente, evoluir como ser humano. E eu só acredito na evolução pela caridade, pela ajuda ao próximo. É uma oportunidade de estar em sintonia com pessoas que a gente não conhece mas que precisam muito da gente”, completou.

Outras matérias

O PULO DO GATO: Gato pula no tanque de batismo de uma igreja e vídeo vira-liza nas redes sociais

O bichinho foi resgatado instantes depois e recebeu todos os cuidados de uma equipe da igreja Um vídeo inusitado viralizou nas redes sociais nos últimos dias. No domingo, 13, enquanto o pastor Daniel Leite pregava na Igreja Adventista do Sétimo Dia do Sudoeste, em Brasília, um gato pulou no tanque de batismo, que estava cheio […]

UNIEURO: Professores médicos são obrigados voltar às aulas

Alunos, do curso de medicina, e professores estão reféns do Centro Universitário UNIEURO que tem como preocupação de manter sua mensalidade no valor R$ 10.164,75 e exige que professores médicos voltem às aulas e provas presenciais. Esquecem os dirigentes o caso de infecção, pela covid-19, de uma médica e professora da instituição, que exigem provas […]