Câmara Legislativa cria CPI Feminicídio

O presidente da Câmara Legislativa, Rafael Prudente do MDB, assinou na tarde desta quarta-feira (30), o ato que cria oficialmente a CPI que irá investigar os atos de feminicídio praticados do Distrito Federal.

Os líderes partidários chegaram a um acordo e a Comissão Parlamentar de Inquérito terá a participação de duas deputadas, Arlete Sampaio do PT e Telma Rufino do PROS. Os demais integrantes são: Fábio Félix do PSOL; Hermeto do MDB e Cláudio Abrantes do PDT.

O presidente da Câmara, Rafael Prudente convocou para o dia 5 de novembro, às 15 horas, a primeira reunião da CPI para a escolha do presidente e do relator. A reunião será realizada no plenário da CLDF.

fonte; Ascom do Gabinete.

Outras matérias

Internacional:Aeroporto de Montevidéu é transformado em cinema drive-in

Local tem a maior tela ao ar livre da América do Sul O Aeroporto de Carrasco, principal terminal aéreo do Uruguai, trocou as decolagens e aterrissagens de aviões por filmes. O estacionamento foi transformado em cinema drive-in após o surgimento do novo coronavírus. O local, que tem capacidade para aproximadamente 100 veículos, exibe sessões de quinta a […]

Saúde: Equipe da Fiocruz MG trabalha em vacina brasileira para covid-19

Desenvolvimento laboratorial deve ser concluído ano que vem Em todo o mundo, cerca de 200 grupos de cientistas trabalham intensamente no desenvolvimento de uma vacina segura e eficaz contra a covid-19. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), pelo menos oito delas já iniciaram a fase clínica, de testes em pessoas. A equipe brasileira, composta por […]