BSB: Campeonato de Jiu-Jitsu reúne os melhores atletas

Foto: Vinícius Melo/Agência Brasília

Governador em exercício Paco Britto premia campeões e fala sobre a importância do esporte na vida dos jovens

Um público entre duas a três mil pessoas lotou o Ginásio de Esportes do Cruzeiro, no Cruzeiro Novo, neste domingo (8), durante o Campeonato Brasiliense de Jiu-Jitsu, intitulado Distrito Federal Open International 2019, promovido pela Federação Brasiliense de Jiu-Jitsu Desportivo (FBJJD).

Cerca de 650 atletas se inscreveram na competição, que abrigou competidores de vários estados do país. No evento, também participaram 180 crianças, incluindo as categorias de projetos sociais – atletas cadeirantes, com síndrome de Down e autistas.

O governador em exercício Paco Britto foi recebido pelo presidente da Federação, Francisco Santoro (Kiko, como é conhecido no meio esportivo), atleta profissional número 1 do ranking da Região Centro-Oeste, desde 2007.

O Governo do Distrito Federal apoia a realização do evento, por meio do programa Compete Brasília, da Secretaria de Esporte e Lazer, e da Administração do Cruzeiro, que cedeu o espaço do ginásio para essa causa nobre.

“É indiscutível a importância do esporte como ferramenta, a fim de conscientizar as crianças e os jovens de suas capacidades, para afastá-los da ociosidade, das drogas e da marginalidade”, frisou Paco.

Para o administrador regional do Cruzeiro, Cláudio Simões (Cacau, para os mais próximos), esses eventos esportivos, e também os culturais, fomentam a educação dos jovens e crianças. “Sempre apoiamos. Recebemos como muita alegria (o campeonato)”, considerou.

O intuito da competição é proporcionar o crescimento e o desenvolvimento do esporte no DF. O goiano Yadan Martins Bueno, 22 anos, faixa preta, elogiou a estrutura do evento brasiliense. “A estrutura é boa e a qualidade dos competidores é de alto nível”, garantiu, informando ainda que estava afastado há dois anos das lutas. Bueno coleciona títulos: é campeão goiano, brasileiro e mundial.

Da Agencia Brasilia

 

Outras matérias

Saúde: Cerveja contaminada: Secretaria de Saúde confirma quarta morte em MG

Vítima é uma mulher que morreu no fim de dezembro no interior mineiro Publicado em 16/01/2020 – 20:51 Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil  Brasília A Secretaria de Saúde de Minas Gerais confirmou, na tarde desta quinta-feira (16), a quarta morte por ingestão de dietilenoglicol, substância tóxica encontrada em cervejas produzidas pela Backer, em Belo Horizonte. […]