Atenção: Pipiripau chega a nível crítico e entra em restrição

Caesb aciona Plano de Restrição para o Sistema de Abastecimento de Água Sobradinho/Planaltina autorizado pela Adasa

Em cumprimento à Resolução nº 9 da Adasa, publicada em 30/9/2019, a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) informa que foi colocado em prática hoje o plano de restrição para o Sistema de Abastecimento de Água Sobradinho e Planaltina, referente ao período de 19 a 25 de outubro de 2019.

O plano, aprovado pela Adasa, autoriza a Caesb a implementar medidas de restrição do abastecimento na região de Sobradinho e Planaltina, caso o volume fixado para a Caesb no Termo de Alocação de Água 2019/2020, não seja garantido.

Em função da alta temperatura, do longo período de estiagem e do aumento do consumo neste fim de semana, a captação da Caesb foi reduzida em 100 litros por segundo. Com uma vazão atual de 160 litros por segundo, o que não ocorria desde 2017, não é possível garantir toda a demanda de água da população urbana de Sobradinho, Sobradinho II, Fercal e Planaltina.

Por essa razão, a Caesb suspendeu hoje o fornecimento para as regiões de Buritis II, III e Buritis IV, quadras 18 a 23; Setor Habitacional Nova Colina, Sobradinho, quadra 18; Setor Habitacional Mestre d’Armas; Sobradinho, quadra 4, 6, 12 e 8 (conjuntos E, F e G). O sobreaviso para essas regiões foi publicado no site da Caesb, divulgado à imprensa e disponibilizado nos canais de atendimento na última sexta-feira.

A interrupção será de, no máximo, 24 horas, portanto até 8h desta terça-feira, 22/10, quando o abastecimento será liberado para esta região. Dependendo do volume de chuvas registrado na tarde de hoje, segunda-feira, a Caesb poderá liberar o fornecimento de água antes do previsto.

Cabe ressaltar que, após restabelecido, o sistema leva até 24 horas para atingir novamente seu equilíbrio. Por essa razão, recomenda-se que a população adote medidas de consumo racional, utilizando apenas o essencial, e evite estocar água além da previsão legal de armazenagem em caixa d’água para 24 horas. Só amanhã será possível saber se o abastecimento será interrompido em outras regiões, conforme calendário também divulgado no site da Companhia.

Outros Sistemas Isolados

A Caesb informa ainda que os mananciais que abastecem as regiões de São Sebastião e Jardim Botânico também estão com baixa disponibilidade hídrica.

Por essa razão, a Caesb pede à população dessas regiões que também economize água. Caso não haja redução do consumo, poderá haver interrupções emergenciais em algumas áreas dessas localidades. Essas regiões não estão incluídas na Resolução nº 9 da Adasa, que se aplica apenas às áreas abastecidas pelo Pipiripau.

Lembramos ainda que, de acordo com a legislação vigente, cada unidade domiciliar deve contar com caixa d’água para armazenar o suficiente para o consumo de 24 horas.

Para dúvidas e informações, a Caesb disponibiliza canais de atendimento à população: Central 115, escritório on-line, aplicativo para smartphone, escritórios regionais e postos do Na Hora.

Informações da Agencia Brasilia

Outras matérias

MP que amplia uso de poupança digital é aprovada na Câmara

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (22) a Medida Provisória (MP)  982/20, que amplia o uso da conta poupança social digital para recebimento de benefícios sociais do governo federal. Inicialmente, a conta foi criada para o depósito do auxílio emergencial de R$ 600 que não tinham conta na Caixa Econômica Federal. O texto vai […]

Dia Mundial sem Carro chama atenção para bicicleta como alternativa

Data chama atenção para debates sobre mobilidade urbana. Hoje (22) é comemorado o Dia Mundial Sem Carro. A data é usada por entidades envolvidas com o debate sobre mobilidade urbana para chamar a atenção para alternativas a veículos individuais motorizados, como a bicicleta. Este é o meio de transporte de Marcelo Santos. Aposentado, ele se […]

Editora Brasiliense ganha Prêmio Internacional: V Edição Prêmio Boas Práticas Locais com Enfoque de Gênero

Projeto Transversalidades é o 3º lugar no México e o 1º no Brasil. A Pergunta Fixar, editora brasiliense, é finalista dos Prêmios da União Ibero-América de Municipalistas (UIM) às boas práticas locais com enfoque de gênero na categoria STEM, sigla em inglês para Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática. Terceira colocada global e a única empresa brasileira na final. O projeto […]