500 abordagens no final de semana

Ação da SSP-DF fiscalizou e orientou pessoas e comércios em Ceilândia, Taguatinga, Recanto das Emas, Samambaia, Gama e Santa Maria.

Foco das ações é a prevenção dos crimes relacionados aos homicídios | Foto: SSP-DF

Com foco na redução dos crimes contra a vida, a operação Quinto Mandamento sai às ruas há pouco mais de um mês em diferentes regiões do Distrito Federal. No último final de semana foram 490 abordagens pessoais e cerca de 142 veículos fiscalizados em Ceilândia, Taguatinga, Recanto das Emas, Samambaia, Gama e Santa Maria.

A operação é coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF). Mas, realizada de forma integrada, reúne as forças de segurança – polícias Civil (PCDF) e Militar (PMDF), Departamento de Trânsito (Detran-DF) e Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF) – e outros órgãos parceiros, como a Secretaria DF Legal e Departamento de Estradas de Rodagem (DER/DF).

“O comprometimento dos participantes e a coordenação da Subsecretaria de Operações Integradas [Sopi] têm contribuído para o sucesso da operação, que tem como objetivo manter a redução de crimes contra a vida conquistados no primeiro semestre. Além disso, a presença do Estado nessas regiões tem um impacto bastante positivo na sensação de segurança da população”, argumenta o secretário de Segurança Pública, delegado Anderson Torres.

Os dias e horários das ações são determinados por meio de levantamentos das subsecretarias de Inteligência (SI) e de Gestão da Informação (SGI), ambas da SSP/DF. O foco das ações é a prevenção dos crimes relacionados aos homicídios, como afirma o subsecretário de Operações Integradas, coronel Márcio Vasconcelos.

“Atuamos na repressão ao tráfico de drogas e ao porte ilegal de arma, por exemplo, que estão diretamente ligados aos crimes violentos contra a vida, que englobam ainda latrocínios e lesões corporais seguidas de morte”, reforça o militar.

Cento e cinquenta servidores participaram da operação. As abordagens da PMDF, em parceria com a PCDF, resultaram na abordagem de 490 pessoas, que tiveram os antecedentes criminais consultados. Trinta e cinco veículos foram abordados pelos policiais.

45 estabelecimentos foram fiscalizados pelo DF Legal no fim de semana | Foto: SSP-DF

Bombeiros militares fizeram orientações aos estabelecimentos comerciais sobre a importância de manter em dia a documentação e cumprir exigências, como sinalização das saídas de emergência.

O Detran-DF, com apoio do DER/DF, montou barreiras nas cidades e consultou a situação de 97 veículos. Dois deles foram removidos ao depósito e houve uma autuação por estacionamento em lugar indevido. Três condutores estavam com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencida.

Fiscalização

Quarenta e cinco estabelecimentos comerciais foram fiscalizados pelo DF Legal no fim de semana. Deste total, seis comércios apresentavam irregularidade e foram autuados.

Dezenove deles foram notificados, apenas um por falta do uso de máscaras. Cinco estabelecimentos foram orientados por fiscais da secretaria, por exemplo, sobre os cuidados necessários, como evitar aglomeração.

Quinto Mandamento faz referência ao mandamento bíblico: “Não Matarás”.

* Com informações da Secretaria de Segurança Pública

Outras matérias

Janine Brito participa de live para falar sobre empreender com foco em excelência

Nesta terça feira a vovó blogueira de Brasilia, recebe para seu achá da tarde a empresária Janine Brito, CEO da Pinheiro Ferragens, participará da live realizada pela influencer Malu Silva para falar sobre como empreender com foco em excelência. O encontro, marcado para hoje (22), às 17h, terá transmissão ao vivo no Instagram @malusilvainfluencer SERVIÇO: […]

Celebridade:”Xuxa defende os animais” em Live no lançamento de auto biografia

A live de Xuxa no perfil oficial da Globo Livros, durante a divulgação do seu livro, rendeu muito conteúdo. Além de alertar sobre as queimadas na Amazônia, a rainha dos baixinhos ainda deixou claro que “pagamos pra matar os animais” e que estamos alimentando a industria agropecuária das carnes. Xuxa rainha mesmo nem lançou o livro e já […]